segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Oro - Rio de Janeiro


Outra descoberta deliciosa no RJ, o Oro Restaurante (pronuncia-se òro) do chefe Felipe Bronze, apresenta um pouco da gastronomia molecular, brincando com as texturas e aguçando os sentidos.

Alguns pratos memoráveis:

- Açaí salgado, com banana confit, tapioca e farofa gelada de foie gras - curiosidade: para a farofa de foie gras, prepará-lo na frigideira e depois congelá-lo. Utilizar um ralador na mesa para finalizar os pratos.

- Steak Tartare de mignon com gema de parmesão e fumaça de churrasco - além do parmesão líquido em forma de gema de ovo, a fumaça de churrasco faz um belo efeito na mesa. O prato vem "aprisionado" em uma redoma de vidro para liberar o aroma do churrasco somente na mesa. O contraste da carne crua com a fumaça de churrasco surpreende!

- Mousse de chocolate no nitrogênio - finalizada na mesa, a sobremesa é diferente de tudo que já havia visto. O mousse é despejado em um recpiente de vidro com nitrogênio e após 20 segundos sai de lá congelado por fora e macio por dentro. Excelente!!

Único.
http://www.ororestaurante.com/



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, sugestão ou crítica!

Bruna