domingo, 24 de junho de 2012

Primeiros passos em terras francesas

Antes de mais nada, peço desculpas aos que aparecem por aqui todos os dias esperando um post novo. Precisei de uma semana para me ajeitar e organizar tudo! Mas de agora em diante podem ficar tranquilos que vai ter post novo sempre!

Agora vamos falar de PARIS! Para começar, o básico do básico.








                                                                                                                                                                              Fonte imagem: Google  

Paris é dividida em 20 regiões (arrondissements), organizadas em forma de espiral. Além disso, o Rio
Sena a divide em duas: a margem direita (Rive Droite) e a margem esquerda (Rive Gauche)

Tudo acima da linha azul, que é o rio Sena, é Rive Droite. Lá fica a famosa e lotada Avenue Champs Elysées (para quem sempre teve dúvida como falar, o certo é mais ou menos "xãns elyzê"), o Arc de Triomphe, a linda igreja Sacré Couer, o Louvre e a Opéra Garnier

Entre as margens ficam duas ilhas: Île de la Cité, que significa "ilha da cidade" pois foi por aí que Paris começou a ser construída e onde fica a Cathedrále Notre Dame; e a Île Saint-Louis, menor mas muito charmosa. 

Tudo abaixo da linha azul, é Rive Gauche. É desse lado que fica a Tour Eiffel, o Musée d'Orsay, a Sorbonne e o delicioso bairro de Saint German de Pres


Em resumo, se você estiver procurando hotel em Paris, minhas sugestões por margem:

Rive Gauche                                                         Rive Droite
Bons para ficar: 5, 6, 7, 14 e 15                           Bons para ficar: 1, 2, 3, 4, 8, 9 e 10
Ruins para ficar: 13                                             Ruins para ficar: 11, 12, 17, 18, 19 e 20


E no 15˚ arrondissement, quase na divisa com o 7˚ e o 6˚, fica a escola Le Cordon Bleu e a minha casa francesa! Essa foto ali em cima é a vista da janela. Mas não se animem, para ter isso é preciso subir 7 andares numa escada bem pequenininha. Nada de elevador em um prédio do início do século XIX.

Essa é a minha cozinha pelos próximos 6 meses:



E como ainda não tive tempo de preparar nada em casa, tirei as fotos das primeiras compras no "marché"...


Pão fatiado tradicional por aqui é o Brioche (tranchée significa fatiado). O nosso pão de misto quente é chamado de "pão americano".


Manteiga Président, tem em todo lugar e é bem baratinha, na versão salgada (demi-sel) e light (léger)


O kit cozinha francês: azeite de oliva da Provence, flor de sal de Camargue e pimenta do reino preta da África do Sul, porque a França não produz. 


Por enquanto é isso gente, logo volto com mais coisas!

14 comentários:

  1. Óh, acharia super digno stalkear o tio David Lebovitz e tirar uma foto com ele, tá? hahahah

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adorei a ideia!!!! Vou me informar sobre o paradeiro dele... rsrsrs

      Excluir
  2. Amei, Bruna! To me lembrando muito da minha viagem pra Paris com aulinhas na Cordon Bleu. Aproveite os mercados, tem muuuita coisa diferente, né? Quanto ao tio David, ele esta de vez em quando na livraria inglesa da Rue Du Rivoli autografando (WS Smith, acho), que alias, é ótima. Acho digno uma foto E um autografo em "Simple life in Paris" ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carol, muuuito obrigada pela dica do tio David. Vou assumir a stalker dentro de mim e procurar!!! rsrsrs bjosss

      Excluir
  3. Oi Bruna!

    Adorei o teu primeiro post de Paris! O "teu cantinho" parisiense é ótimo! Desejo que sejas muito feliz! Continue postando porque é muito bom acompanhar teu blog desta nova perpectiva! Beijos, Sucesso!!

    Nara (Eu vim aqui todos os dias depois da tua última postagem em Terras Brasileiras)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nara querida, muito obrigada pelo carinho!!! Espero que os posts alcancem as expectativas!!! um beijão, Bruna

      Excluir
  4. A room with a view...vinhos nacionais, pães do Pain Polâine, ostras maravilhosas...forte abraço, tudo de bom neste período!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Wair, vinhos nacionais... isso já diz tudo!!! obrigada pelos votos!!!

      Excluir
  5. Vou acompanhar tudo por aqui!!! rsrsrs beijao e boa sorte ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vem acompanhar aqui pessoalmente!!! rsrsrs bjosss

      Excluir
  6. Olá Bruna,
    Já sigo o teu blogue há algum tempo, mas só hoje comento...
    Este post que para mim "caiu do céu"...
    Muito obrigada pelas dicas, vou continuar a ler os outros passos em terras francesas...em breve irei eu e tenho tanto para descobrir...não conheço nada e assim é uma excelente ajuda! Muito obrigada!! :)
    Gostei muito da tua cozinha, é linda e a vista do teu apartamento, também :)

    Um grande beijinho, vou continuar por aqui :)

    ResponderExcluir
  7. Olá bruna, estou muito interessada a ir fazer o curso na a Le cordon bleu, porém queria algumas informações. Eu estive procurando o curso normal, com duração de 9 meses mesmo, porem depois que li seu blog e soube que teria um de 6 meses, queria saber melhor sobre. Qual é a diferença de preço e se vale mais a pena fazer o normal ou se é a mesma coisa. Queria saber também, quanto em média você está gastando de uma forma geral, curso, estádia, e dinheiro pra se manter mesmo...Emfim, obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Geórgia, será um prazer te passar as dicas de lá sim! Me mande um email e assim conversamos melhor: gourmandisme@terra.com.br beijos!

      Excluir

Deixe seu comentário, sugestão ou crítica!

Bruna